Sabias que a página “Sobre” é uma das mais visitadas num site? Isto significa que é o sítio ideal para criares uma relação de empatia com o teu cliente ideal.

Como podes consegui-lo? É o que vais descobrir neste artigo.

(Preferes ouvir em vez de ler?)

É verdade, a página “Sobre” é uma das mais importantes do teu site e, portanto, deves dedicar-lhe especial atenção.

Depois de entrar no teu site, o visitante, se gostar daquilo que lhe apresentas na tua homepage, vai ter curiosidade em saber mais sobre ti. Mas aqui há uma pequena rasteira na qual muitos empreendedores ainda caem.

É que a página “Sobre” não é (só) sobre ti. Mas já te explico melhor o que quero dizer com isto.

Primeiro, vamos perceber porque é que a página “Sobre” é importante.

A Página “Sobre” dá a conhecer quem tu és.

Enquanto seres humanos, somos seres sociais e, por isso, conectamo-nos com pessoas. Quando estamos prestes a fazer uma compra, é, muitas vezes, essa ligação que determina se compramos a A ou a B.

Assim, no teu site, ao aproveitares bem a página “Sobre” para construíres essa ligação ficas em vantagem e podes começar, logo aí, a criar conexão. A criar uma relação de empatia.

A página “Sobre” é, então, o sítio ideal para dares a conhecer mais sobre a tua marca e sobre tudo aquilo que ela representa.

Podes:

  • Destacar a história de como a marca surgiu;
  • Explicar porque fazes o que fazes;
  • Contar o teu percurso.

Ainda assim, como te dizia no início deste texto, a página “Sobre” não é (só) sobre ti. E é isso que te quero explicar agora.

Empreendedora ao computador escreve os conteúdos da página sobre do seu site com um caderno e um telemóvel na secretária.

Sobre o que é, afinal, a tua página “Sobre”?

Então, mais importante do que falares sobre ti, é clarificares porque é que o teu percurso é relevante para o teu potencial cliente. Em tudo o que tu dizes, escreves ou fazes, o que o teu potencial cliente quer saber é o que é que tu tens para ele.

Será que passaste pelas mesmas experiências que ele?

Será que a tua experiência com clientes nas mesmas circunstâncias que ele mostram que também és capaz de resolver o seu problema?

Que histórias vos ligam?

Ou seja, o segredo para uma página Sobre que cria empatia com o teu cliente ideal é mostrares como é que a tua vivência terá um impacto positivo na vida do teu cliente ideal.

Além disto, a página “Sobre” é também o local onde podes evidenciar os valores da tua marca.

O que é que é mais importante para ti e para a tua marca e que, afinal, também é importante para o teu cliente ideal?

Tudo o que referi até agora são pontos de contacto que ajudam a construir uma relação de empatia e confiança. Essa relação que, a seu tempo, converte visitantes do teu site em clientes.

Mas há mais elementos que podes incluir na tua Página “Sobre”.

Outros elementos a incluir na página “Sobre”

A página “Sobre” é também um bom local do teu site para aumentares a tua credibilidade.

Podes fazê-lo partilhando o teu percurso académico e profissional, mas nada tem o poder do testemunho de um ex-cliente.

Testemunhos

Ao apresentares testemunhos e casos de estudo, geras credibilidade não só pela experiência e história da tua marca, mas também por aquilo que dizem as pessoas com quem já trabalhaste.

Ao saber aquilo que outras pessoas pensam do teu trabalho, o teu potencial cliente vai confiar mais facilmente naquilo que tens para lhe oferecer. Vai sentir que, se outros conseguiram os resultados que ele procura, então também é possível para ele. E és tu quem o vai ajudar a alcançá-los.

Esta necessidade de validação e confirmação por parte dos outros faz parte da natureza humana e com o teu potencial cliente não é diferente.

De acordo com este princípio, determinamos o que é apropriado, o que é certo a partir daquilo que os outros pensam. Perante uma dúvida (comprar ou não comprar a esta pessoa?), o que o teu potencial cliente vai fazer é observar a reação de outras pessoas como ele, ou seja, os teus ex-clientes.

Se o que ele ler ou ouvir lhe agradar, a probabilidade é que acabe a agir como eles.

Então, a forma como apresentas os testemunhos também pode influenciar a perceção com que o teu potencial cliente fica do teu trabalho.

Mas há mais elementos importantes, além dos testemunhos.

Computador portátil de uma empreendedora que está a escrever a página sobre do seu site, em cima de uma cama com uma chávena e um livro ao lado.

Fotografias

As fotografias que escolhes para a tua página “Sobre” também são elementos importantes. Afinal, nem só de palavras vive um site!

Disse no início que as pessoas se conectam com pessoas e, por isso, o teu potencial cliente vai querer saber quem tu és. Como és. Vai querer ver a tua cara.

Portanto, pelo menos uma fotografia tua é essencial.

Se é mais ou menos formal, isso dependerá sempre da identidade da tua marca e daquilo que queres transmitir.

O importante é sempre a coerência. Se a tua marca é descontraída e informal, tudo o resto tem de acompanhar essa forma de estar – as palavras que usas no copy e nos conteúdos, as fotografias (no site, nas redes sociais, nas propostas…).

É a coerência de toda a tua comunicação que vai criar a identidade da tua marca. Ou seja, o teu cliente ideal tem de sentir que há um fio condutor em toda a tua comunicação – desde um simples email até ao teu curso online. Isso vai permitir-lhe identificar claramente a tua marca, mesmo quando o teu logo, a tua cara ou o teu nome não estão presentes.

Por esta razão, ofereço aos meus clientes de Escrita para Websites um Manual de Comunicação Escrita que os ajuda a criar conteúdos harmoniosos, coerentes e de qualidade para as suas marcas.

Antes de terminares a tua página “Sobre”, há ainda um último elemento essencial: a chamada à ação.

Chamada à Ação (CTA)

Não termines a tua página “Sobre” sem uma clara chamada à ação (de preferência, só mesmo uma).

O que queres que o visitante faça depois de ler a página? Queres que visite a tua página de serviços ou que vá diretamente para a tua página de contactos?

O teu site tem de conduzir o visitante ao longo de uma viagem na qual te vai conhecendo melhor.

Portanto, pergunta-te: onde o queres levar depois de saber mais sobre ti?

Concluindo…

A página “Sobre” é uma das mais importantes do teu site, pois o teu cliente ideal vai querer saber com quem vai trabalhar.

Isto não significa que te limites a falar sobre ti ou sobre todo o teu percurso.

Ou seja, a página “Sobre” deve contar a tua história de forma a que o teu cliente ideal se identifique com ela, para que perceba porque é que tu és a pessoa ideal para o ajudar neste momento.

Além disso, o teu site também é o local ideal para construíres a identidade da tua marca. E a página “Sobre” é o local por excelência para revelares um pouco mais dessa identidade.

Então, mais do que falar sobre conquistas, prémios ou cursos, a página “Sobre” é sobre criar relações.

Como é que te apresentarias se encontrasses um potencial cliente na rua? O que quererias que ele soubesse sobre ti e sobre a tua marca?

É acerca disto que tens de escrever na tua página “Sobre”.

Agora, conta-me, já escreveste a página “Sobre” do teu site? Queres verificar se tem tudo o que é preciso para criar empatia com o teu cliente ideal? Esta checklist tem os pontos que não podem faltar.