A construção da credibilidade da tua marca na tua área de atuação é essencial para seres vista como autoridade e conquistares a confiança do teu cliente ideal. Da forma como comunicas até à tua atuação no dia a dia, a credibilidade da tua marca vai-se construindo aos poucos e tudo conta.

Por isso, independentemente da fase em que se encontre o teu negócio, se queres ver a tua marca crescer, investe na tua credibilidade.

Afinal, a compra é um processo emocional, ou seja, compramos mais facilmente de pessoas em quem confiamos, portanto, quantas mais pessoas confiarem em ti e virem a tua marca como digna de confiança, mais pessoas estarão disponíveis para trabalhar contigo.

Para te ajudar, neste artigo trago-te 5 formas de potenciares a credibilidade da tua marca através das palavras que escreves e, assim, gerares confiança no teu cliente ideal.

(Preferes ouvir em vez de ler?)

Para começar, pensa naquilo que é importante para o teu cliente ideal. Será que ele privilegia a excelência ou prefere a praticidade? Ou uma aliada à outra? Ou será que valoriza o atendimento personalizado?

Para construíres a tua autoridade enquanto marca, é preciso partires daquilo que é importante para o teu cliente ideal, pois é a perceção que ele tem da tua marca que vai determinar se és ou não uma referência para ele na tua área. É claro que isto de ser referência numa determinada área é sempre subjetivo, e o que importa, na verdade, é que sejas uma referência para o teu cliente ideal.

Então, quanto melhor conheceres o teu cliente ideal, melhor vais saber aquilo que ele valoriza e como é que tu, como marca, lhe podes garantir isso mesmo.

Mas e depois disso? O que podes fazer para gerares credibilidade e aumentares a perceção de confiança que o teu público tem da tua marca?

É o que vamos ver em seguida.

Mulher empreendedora ao computador escreve conteúdos para potenciar a credibilidade da sua marca.

5 Formas (+ 1) de potenciares a credibilidade da tua marca

1. Divulga testemunhos de ex-clientes

Os testemunhos das pessoas que já trabalharam contigo são a fonte de credibilidade mais valiosa que podes conseguir.

Por um lado, contribuem para gerar identificação – “se aquela pessoa (que até tem coisas em comum comigo) conseguiu estes resultados, eu também posso conseguir” – e, por outro, destacam aquilo que a tua marca tem de melhor.

Como tal, se ainda não começaste a recolher testemunhos dos teus ex-clientes, está na altura de começares. E depois divulga-os, claro.

Um testemunho, na verdade, não tem de ser nada muito estruturado, se o quiseres usar no dia a dia da tua marca, como para uma publicação numa rede social por exemplo.

No entanto, se quiseres um testemunho para constar do teu site ou de uma proposta, aí é importante que o testemunho siga uma determinada estrutura de escrita para gerar maior impacto. É por isso que, no serviço de escrita para websites, trabalho os testemunhos e ainda ofereço às minhas clientes um questionário pronto a usar para que possam recolher testemunhos impactantes.

E o que significa, de facto, um testemunho impactante?

Um testemunho impactante, que traz credibilidade à tua marca, é um testemunho que se foca na experiência e nos resultados dos teus ex-clientes. Isto significa que é mais interessante valorizares o ponto de partida do teu ex-cliente, a transformação que lhe proporcionaste e a forma como conduziste o processo, do que, por exemplo, partilhares opiniões vagas, como “Gostei muito de trabalhar com a [o teu nome], é muito profissional e empenhada”.

2. Fala sobre a tua presença nos media

Se já escreveste para alguma publicação ou algum blog para além do teu, se já participaste em algum podcast, palestra ou programa de rádio ou televisão, aproveita-te disso.

Tudo isto acrescenta credibilidade à tua marca. Falares sobre estas tuas participações com a tua audiência não é gabarolice, é mostrares que outros te reconhecem valor na tua área de atuação.

Secretária de empreendedora que quer potenciar a credibilidade da sua marca, com livro, óculos, bloco de notas, caneta, chávena de café e vaso com uma planta.

3. Partilha depoimentos de pares

Já recebeste alguma mensagem de um/a colega da tua área a dar-te os parabéns por algo que tenhas feito?

Se sim, partilha esse feedback (com a devida autorização, naturalmente). Isso vai mostrar à tua audiência que a tua marca é respeitada e considerada uma referência na tua área.

Por isso, quando pessoas que trabalham na mesma área do que tu, ou até mesmo em áreas complementares, falam bem do teu trabalho e o partilham, vale-te disso e mostra-o a quem te segue.

4. Cumpre aquilo que prometes

Seja num post numa rede social, num artigo do teu blog, num curso ou programa, numa página de vendas ou numa landing page, cumpre sempre aquilo que prometes.

Criares expectativas no teu potencial cliente que depois não são cumpridas pode gerar frustração e impactar negativamente a imagem da tua marca.

Para evitares que isto aconteça, aposta numa comunicação clara e eticamente responsável. Mais do que vender produtos ou serviços, se és uma marca com propósito, como eu acredito que és, o mais importante é vender para as pessoas certas. Ou seja, aquelas que veem real valor naquilo que estamos a oferecer.

5. Estabelece parcerias que acrescentem valor ao produto final

Apostares em parcerias estratégicas que complementem o teu trabalho é importante não só para a credibilidade da tua marca, como também para prestares um serviço ainda melhor ao teu cliente. E um cliente satisfeito é um cliente que nos dá bons testemunhos.

Então, acaba por se gerar um efeito bola de neve: bom serviço > bons testemunhos > boas parcerias > mais exposição > mais clientes.

Objetos pessoais de empreendedora que quer potenciar a credibilidade de marca: cadernos, smartphone, óculos e auriculares.

6. Dica extra para aumentares a credibilidade da tua marca: Sê coerente e genuína na tua comunicação

De nada adianta alinhares em modas, seguires tendências e falares dos temas de que toda a gente fala se, na verdade, esses não são os teus temas. Às tantas, nem os do teu cliente ideal.

Começa por ser honesta contigo: que temas fazem sentido para mim tratar? Que temas me apaixonam e trabalho com os meus clientes? Qual é o meu posicionamento em relação a esses temas?

Quando a nossa criação de conteúdos parte de nós e daquilo que gostamos de falar, é mais fácil sermos consistentes, gerar ideias e escrever com naturalidade.

Por isso, assume a tua verdade nos temas que trazes à tua audiência e garante, assim, a tua credibilidade junto das pessoas mais importantes: aquelas que se conectam com a tua marca, ou seja, o teu cliente ideal.

Para terminar, e ainda como forma de potenciares a tua credibilidade, vai beber a outras referências, de forma a expandires os teus horizontes. Afinal, quanto mais diversificadas forem as tuas referências e experiências, mais rico vai ser o teu trabalho e, consequentemente, aquilo que partilhas.

Concluindo…

Investires na credibilidade da tua marca ajudar-te-á a venderes mais e, sobretudo, a venderes para as pessoas certas. Para isso, investe em criar relações com significado, seja com clientes ou potenciais clientes. No fundo, semeia aquilo que queres colher.

Uma forma de o fazeres é através de uma estratégia de marketing de conteúdos centrada na construção da confiança. Esta é a melhor forma de assegurares o futuro a longo prazo do teu negócio.

E o que podes incluir na tua estratégia de marketing de conteúdos?

  • Testemunhos de ex-clientes;
  • Presenças nos media e noutras plataformas;
  • Depoimentos de pares;
  • Uma promessa honesta;
  • Parcerias de valor;
  • Uma comunicação honesta.

Agora que já conheces algumas formas de aumentares a credibilidade da tua marca, diz-me se já usas habitualmente alguma delas.

E houve alguma que tenha sido novidade para ti e que queiras explorar?